Follow by Email

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

I FÓRUM PARA A CAPACITAÇÃO PLANEAMENTO E DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS


I FÓRUM PARA A CAPACITAÇÃO
PLANEAMENTO E DESENVOLVIMENTO 
DE PROJETOS/ O PT 2020 

25 de Fevereiro de 2016
Auditório do Museu da Pedra
Largo Cândido dos Reis 4, Cantanhede, 3060-174, Cantanhede
10H00-13H00/14H00-17H00


ENQUADRAMENTO

Desde 2014, com o novo ciclo de programação de Fundos Europeus Estruturais e de Investimento (FEEI) 2014-2020 surgiu um conjunto bastante diversificado e abrangente de novas oportunidades de desenvolvimento do terceiro setor em Portugal, quer por via da qualificação das organizações, quer por via da melhoria dos serviços que diretamente são disponibilizados às populações. Este novo período 2014-2020 acarreta um conjunto de novidades e exigências para as organizações, em que a metodologia de projeto assume uma relevância crescente. As organizações são convidadas, mais do que nunca, a desenvolver projetos de excelência e a demonstrar, através de evidências objetivas, que os resultados a que se propõem são efetivamente atingidos. Conceitos como projeto, teoria de mudança, monitorização e avaliação por resultados estão na linha da frente das novas exigências do Portugal 2020.
OBJETIVOS 
Identificar os conceitos e princípios fundamentais da metodologia de projeto;
Conhecer as propostas internacionais para a metodologia de projeto;
Conhecer os principais métodos e técnicas (quantitativos e qualitativos) de recolha de informação para a concretização da metodologia de projecto;
Conhecer as linhas de financiamento previstas para o período 2014-2020.


 DESTINÁRIOS

Técnicos de Intervenção Social do Concelho de Cantanhede.

DINAMIZADOR:

Susana Monteiro: Doutoranda em Sociologia Económica e das Organizações (ISEG), mestre em Geografia (Faculdade de letras da Universidade de Lisboa) e licenciada em Sociologia e Planeamento (ISCTE – IUL), é formadora, consultora e avaliadora de projetos, programas e políticas públicas. Desenvolveu atividade no Observatório do QREN (2008-2014), como técnica de avaliação de políticas públicas.


As inscrições devem ser realizadas até ao próximo dia 22 de Fevereiro:


EAPN Portugal / Núcleo Distrital de Coimbra
Estrada de Coselhas, Quinta da Conchada,
Lote 19/20, 1º dto
Tel. 239 834 241 / Fax. 239 840 796
e-mail: coimbra@eapn.pt
Câmara Municipal de Cantanhede
CLDS Cantanhede 3G – Intervir, Integrar e Incluir
Rua António José de Almeida, n.º 3 - Cantanhede

Tel. 231 410 123 / Fax: 231410189
e-mail: redesocialcantanhede@gmail.com

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

AÇÃO DE FORMAÇÃO, Portalegre


Coaching Parental 

O sucesso do trabalho do educador, do professor e dos vários técnicos que intervêm com a criança e/ou família, depende da compreensão desta no seu contexto familiar e de uma comunicação eficaz e positiva com os encarregados de educação.
Os pais são um modelo preponderante junto dos filhos. Pais autoconfiantes transmitirão essa competência aos seus educandos. Assim, quando a relação entre os técnicos que intervêm junto da família e os pais é positiva e baseada na confiança, esse facto tem impacto junto dos encarregados de educação (sentimento de competência e eficácia) e consequentemente no desenvolvimento da criança.
CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS
1. O coaching parental: princípios
2. O coaching parental e a autoconfiança
3. O coaching parental e a comunicação positiva
4. O coaching parental e os valores
5. O coaching parental e o trabalho do técnico (educador, professor, psicólogo, técnico de serviço social, mediador...)
OBJETIVO GERAL // OBJETIVOS ESPECÍFICOS
No final da ação os formandos deverão ser capaz de:
- Identificar os princípios do coaching parental
- Aplicar os princípios do coaching parental ao seu trabalho com famílias, em diferentes contextos
- Estabelecer uma comunicação positiva com as famílias
- Promover a autoconfiança dos pais e das mães
- Identificar e respeitar valores das famílias
- Apoiar as famílias a encontrarem as suas soluções para os problemas identificados
- Através da sua ação junto das famílias, modelar as competências que pretendem promover/desenvolver
METODOLOGIAS DE FORMAÇÃO E AVALIAÇÃO
Trata-se de uma formação de 12 horas que, apesar dos necessários momentos de exposição, assenta numa metodologia teórico-prática para que as descobertas se realizem entre a exposição do formador e a experiência dos exercícios propostos. Além do conhecimento teórico-prático do conceito de coaching parental e de algumas técnicas a ele subjacente, pretende-se que os formandos definam novas estratégias de interação com os pais / famílias.

DIAS 15 e 16 de março de 2016
HORÁRIO 10h00 às13h00 e das 14h00 às 17h00
DURAÇÃO 12h
LOCAL Serviços Centrais do Politécnico de Portalegre
INSCRIÇÃO Associados/as da EAPN Portugal: 30€ // Não associados/as: 50€
PÚBLICO-ALVO Técnicos e dirigentes de organizações de intervenção social e organismos públicos
ÁREA DE FORMAÇÃO 090 – Desenvolvimento Pessoal
MODALIDADE DE FORMAÇÃO Formação contínua de atualização
FORMA DE ORGANIZAÇÃO Formação presencial
CRITÉRIOS DE SELEÇÃO Prioridade a associados/as da EAPN Portugal // Número de ordem de receção da inscrição
CERTIFICADO DE FORMAÇÃO Presença obrigatória em pelo menos 80% do total da duração da ação e aproveitamento no final da formação
FORMADORAS Ângela Coelho e Sandra Belo
Psicólogas e coaches, especialistas em coaching parental.
Autoras do primeiro livro de coaching parental português – “Family Coaching – 36 desafios para pais extraordinários”, baseado na experiência de trabalho com pais e mães em diferentes contextos.
As inscrições são limitadas a 20 participantes e devem ser realizadas até ao dia 10 de março para:
EAPN Portugal / Núcleo Distrital de Portalegre
Rua de Olivença, nº 15 7300-149 Portalegre
Tel: 245 202 407 | E-mail: portalegre@eapn.pt

Em Castelo Branco: Os Rostos da pobreza...



 + info:
Paula Montez
EAPN Portugal/ Rede Europeia Anti - Pobreza
Técnica do Núcleo Distrital de Castelo Branco
Biblioteca Municipal de Castelo Branco  - 2º Andar
Campo Mártires da Patria (antigo Quartel da Devesa)
600 - 000 Castelo Branco
Tel.272 328 333 Fax.272 328 334

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

AÇÃO DE FORMAÇÃO, Beja


ANIMAÇÃO SOCIOCULTURAL COM IDOSOS
As instituições que trabalham com população idosa, só conseguem atualmente oferecer-se como instituição de referência se se apresentarem com objetivos definidos, que visem as necessidades dos seus atuais e futuros utilizadores. Neste sentido, propomos uma ação de formação sustentada na animação sociocultural com idosos.
...
CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS
1. Contextualização da Animação com Idosos
2. Animação e Outras áreas de Intervenção
3. Animar Como...
4. Dimensões da Animação
5. Atividades em Animação
6. Animação e os Sistemas de Gestão da Qualidade
7. O Projeto em Animação
OBJETIVO GERAL
Definir o conceito de Animação no que concerne às diferentes áreas de intervenção;.
METODOLOGIAS DE FORMAÇÃO E AVALIAÇÃO
Privilegia-se o uso de metodologias participativas e dinâmicas que valorizem a aprendizagem e o desenvolvimento pessoal: método interativo e expositivo, com treino de competências. Avaliação contínua de pergunta-resposta entre formador e formandos; realização de exercícios práticos durante a sessão.

DIAS 12 e 13 abril de 2016
HORÁRIO 9h30 às12h30 e das 14h00 às 17h00
DURAÇÃO 12h
LOCAL Instituto Português do Desporto e da Juventude de Beja | Rua Professor janeiro Acabado | 7800 Beja
INSCRIÇÃO Associados/as da EAPN Portugal:30€ // Não associados/as: 50€
PÚBLICO-ALVO Técnicos/as coordenadores/as, Diretores/as, monitores/as das respostas sociais em estudo, etc.
ÁREA DE FORMAÇÃO 762 – Trabalho Social e Orientação
MODALIDADE DE FORMAÇÃO Formação contínua de atualização
FORMA DE ORGANIZAÇÃO Formação presencial
CRITÉRIOS DE SELEÇÃO Prioridade a associados/as da EAPN Portugal // Número de ordem de receção da inscrição
CERTIFICADO DE FORMAÇÃO Presença obrigatória em pelo menos 80% do total da duração da ação e aproveitamento no final da formação
FORMADOR João Lima Fernandes
Psicólogo. Docente na Escola Superior de Educação João de Deus.
Formador sénior na área da Gerontologia e coordenador de equipa de intervenção com idosos.
As inscrições são limitadas a 20 participantes e devem ser realizadas até ao dia 8 de abril para:
EAPN Portugal / Núcleo Distrital de Beja
Rua do Jornal Ala Esquerda, 20 | 7800-301 Beja
Tel: 284325744 | Fax: 284325745 | E-mail: n.beja@eapn.pt

EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE


 

- AÇÃO DE SENSIBILIZAÇÃO -
EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE
Com:
Enfermeira Odete Vicente
junta de Freguesia de Monforte da Beira

16 fevereiro de 2016

10h00 às 12h00



Pretende – se com esta acção sintetizarem os saberes das mulheres e os tratamentos relacionados com as doenças a nível materno e infantil.


Objetivos específicos
  • Promover e incentivar a participação das mães na saúde dos seus filhos.
  • Desconstruir e desmistificar alguns mitos existentes relativamente à saúde.
  • Promover a relação saúde – família

Dinamizadores: Odete Vicente | Enfermeira Chefe (Unidade de Cuidados na Comunidade de Castelo Branco (UCCCB)- Centro de Saúde de S.Tiago )

 + info:
Paula Montez
EAPN Portugal/ Rede Europeia Anti - Pobreza
Técnica do Núcleo Distrital de Castelo Branco
Biblioteca Municipal de Castelo Branco  - 2º Andar
Campo Mártires da Patria (antigo Quartel da Devesa)
600 - 000 Castelo Branco
Tel.272 328 333 Fax.272 328 334





AÇÃO DE FORMAÇÃO, Castelo Branco


AÇÃO DE FORMAÇÃO
A imple mentação da Avaliação de Desempenho nas Organizações do Terceiro Setor
A avaliação de desempenho representa uma necessidade no plano económico, uma necessidade organizacional e humana. Constitui uma apreciação que envolve técnicas de observação, periódica e estandardizada e qualificada, pois está diretamente associada a critérios e procedimentos assim como ao valor em termos e eficácia e eficiência demonstrando ao individuo a sua função, do ponto de vista da organização onde trabalha.


CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS
1.   A gestão de recursos Humanos nas organizações sem fins lucrativos
2.   Recrutamento e constituição de equipas
3.   Liderança e gestão de equipas
4.   A gestão de desempenho: opções técnicas
5.   Apresentação de um modelo para a gestão de desempenho em organizações sem fins lucrativos
6.   Construção de um sistema de gestão de desempenho
7.   Avaliação do modelo e sistema de desempenho elaborado

OBJETIVO GERAL // OBJETIVOS ESPECÍFICOS
Dotar os dirigentes e técnicos de condições para pensarem, desenharem e implementarem sistema de gestão de desempenho nas suas organizações

METODOLOGIAS DE FORMAÇÃO E AVALIAÇÃO
A metodologia será orientada no enquadramento teórico-prático, de forma ativa e participativa, com exposição de auxiliares audiovisuais, assim como instrumentos operativos, de forma a discussão orientada e trabalhos de grupo.
Avaliação: participação e trabalhos de grupo.



DIAS 18 e 19 de fevereiro de 2016
HORÁRIO 10h00 às13h00 e das 14h30 às 17h30
DURAÇÃO 12 horas
LOCAL Biblioteca Municipal de Castelo Branco
INSCRIÇÃO Associados da EAPN Portugal: 30€ // Não associados: 50€
PÚBLICO-ALVO Técnicos, Diretores técnicos, dirigentes, coordenadores de equipas de instituições de entidades públicas e privadas
ÁREA DE FORMAÇÃO 345 – Gestão e Administração
MODALIDADE DE FORMAÇÃO Formação contínua de atualização
FORMA DE ORGANIZAÇÃO Formação presencial
CRITÉRIOS DE SELEÇÃO Prioridade a associados da EAPN Portugal // Número de ordem de receção da inscrição
CERTIFICADO DE FORMAÇÃO Presença obrigatória em pelo menos 80% do total da duração da ação e aproveitamento no final da formação.
FORMADOR: Paulo Teixeira
Mestre em Planeamento e Avaliação de Processos de Desenvolvimento e Licenciado em Sociologia e Planeamento pelo ISCTE. Possui uma vasta experiência profissional, tendo trabalhado para ONG, na coordenação de equipas de projetos de intervenção, e para o Estado, no planeamento e acompanhamento da implementação de Programas Nacionais (Programa Rede Social, no extinto Instituto para o Desenvolvimento Social e posteriormente no Instituto de Segurança Social). Exerce atualmente funções de consultor e formador, colaborando também com instituições do Ensino Superior, como o ISPA, onde leciona cadeiras ligadas à avaliação de programas e projetos. É frequentemente convidado como perito em avaliação de políticas, programas e projetos por organizações internacionais como a Comissão Europeia (DG Regio, DG Home e DG for Employment, Social Affairs & Inclusion), Council of Europe Development Bank ou Council of Europe Youth Department. Integrou a Direção da Sociedade Europeia de Avaliação (European Evaluation Society – EES). Neste momento integra a Direção da, recentemente criada, Associação Ibérica de Profissionais pela Avaliação sediada em Madrid.

INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES Ficha de Inscrição em anexo // A Ficha de Inscrição pode ser fotocopiada
Após confirmação da sua inscrição, o pagamento deverá ser efetuado por transferência bancária, numerário ou cheque (à ordem de EAPN – Rede Europeia Anti-Pobreza/Portugal, Associação).

As inscrições são limitadas a 25 participantes e devem ser realizadas até ao próximo dia 17 de fevereiro para:
EAPN Portugal/Núcleo Distrital de Castelo Branco
Campo Mártires da Pátria, Biblioteca Municipal 6000-000 Castelo Branco

Telefone: 272328333 / Fax: 272328334 / castelobranco@eapn.pt

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Estudo Empregabilidade na Economia Social, Viana do Castelo


Apresentaçao do Estudo Empregabilidade na Economia Social
Desta vez, em Viana do Castelo, no próximo dia 24 Fevereiro
+ info:
Liliana Pinto
Departamento de Desenvolvimento e Formação
EAPN Portugal/Rede Europeia Anti-Pobreza
liliana.pinto@eapn.pt
Rua de Costa Cabral, 2368
4200-218 Porto
Tel. 00351 225 420 808 Fax. 00351 225 403 250
www.eapn.pt

Ver mais

AÇÃO DE FORMAÇÃO, Beja


MINDFULNESS, ESTRATÉGIAS DE REDUÇÃO E INTERVENÇÃO NO STRESS E ANSIEDADE

O stress é um acontecimento inevitável na existência humana e emerge em diferentes contextos laborais. Como causas de stress no trabalho surgem as condições de trabalho, as relações no trabalho, o conflito e a ambiguidade das funções, a estrutura e o ambiente da organização, a sobreposição trabalho-família, o desenvolvimento da carreira profissional e a natureza do posto de trabalho, pelo que a intervenção no controlo do stress pode ser desenvolvida com recurso a diferentes estratégias.
CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS
1. A importância do Mindfulness na Gestão de Mente e na capacidade de Resolução Ativa de Problemas;
2. Relação entre a prática de Mindfulness e a redução de estados de stress, ansiedade e depressão;
3. Mecanismos de desenvolvimento e funcionamento do stress;
4. Causas e mecanismos de suscetibilidade ao stress;
5. Erros e distorções cognitivas presentes em quadros de stress e ansiedade;
6. Prevenção e gestão das seguintes problemáticas: Ataques de Pânico; Fobias; Perturbação Obsessiva-compulsiva ; Ansiedade Generalizada; Stress Pós-Traumático.;
OBJETIVO GERAL // OBJETIVOS ESPECÍFICOS
- Adquirir competências e técnicas de Mindfulness, gestão de mente, redução de stress e ansiedade;
- Adquirir competências e treino de resolução de problemas;

DIA 18 de fevereiro de 2016
HORÁRIO 9h30 às13h00 e das 14h00 às 17h30
DURAÇÃO 7 horas
LOCAL Instituto Português do Desporto e da Juventude de Beja | Rua Professor janeiro Acabado | 7800 Beja
INSCRIÇÃO Associados da EAPN Portugal: 20€ // Não associados: 30€
PÚBLICO-ALVO Técnicos/as coordenadores/as, Diretores/as, monitores/as das respostas sociais em estudo, etc.
ÁREA DE FORMAÇÃO 762 – Trabalho Social e Orientação
MODALIDADE DE FORMAÇÃO Formação contínua de atualização
FORMA DE ORGANIZAÇÃO Formação presencial
CRITÉRIOS DE SELEÇÃO Prioridade a associados da EAPN Portugal // Número de ordem de receção da inscrição; frequência anterior da ação de formação em Construção e avaliação do Plano Individual adulto (fator preferencial).
CERTIFICADO DE FORMAÇÃO Presença obrigatória em pelo menos 80% do total da duração da acção
FORMADORA Sofia Rodrigues. Psicóloga Clínica, Psicoterapeuta e Formadora. Licenciada em Psicologia, pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Lisboa. Em 2004 desenvolveu a sua formação na área dos cuidados paliativos e mais recentemente na área de prestação de cuidados a pessoas idosas e dependentes, pela Associação Portuguesa de Psicogerontologia. Exerce a sua atividade em clínica privada ao nível da avaliação, aconselhamento e intervenção psicológica em adultos e casais, nas mais variadas problemáticas (depressão/estados depressivos, ansiedade/stress/ataques de pânico, dificuldades relacionais/conjugais, dificuldades de comunicação/assertividade, auto-estima/imagem, luto, sexologia clínica, entre outras). Pós-Graduada em Terapia de Casal e em Sexologia Clínica. Formadora na área da Psicologia e Saúde - Ansiedade, Stress, Depressão, Estilos de Comunicação, Luto, Auto-Estima, Psicoterapia de 3ª Geração (Mindfulness, Técnicas de Respiração e Meditação)
As inscrições são limitadas a 20 participantes e devem ser realizadas até ao próximo dia 16 de fevereiro para:
EAPN Portugal / Núcleo Distrital de Beja
Rua do Jornal Ala Esquerda, 20 | 7800-301 Beja
telefone: 284325744 fax: 284325745 e-mail: n.beja@eapn.pt

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

TERTÚLIAS NO DISTRITO DO PORTO




" Divulgamos a Tertúlia sobre o estudo "Bem-me-Quer, Mal-me-Quer – O Impacto das Representações Sociais na Luta Contra a Pobreza em Portugal", que se realizará em vários concelhos do Distrito do Porto:

- 19 de fevereiro, no anfiteatro nr.2, no ISMAI – Instituto Universitário da Maia, entre as 14.30h e as 17.30h, na Maia (inscrição gratuita, até 12 de fevereiro, para: porto@eapn.pt);

- 26 de fevereiro, Auditório da Biblioteca Municipal Florbela Espanca, rua de Al...fredo Cunha, Matosinhos ( inscrição gratuita, até 19 de fevereiro, para porto@eapn.pt);

- 11 de março de 2016, Fórum Cultural de Ermesinde, sala polivalente, 2.º piso, rua Fábrica da Cerâmica, Ermesinde (inscrição gratuita, até 07 de março, para porto@eapn.pt).

- Data ainda a definir, Vila Nova de Gaia.

"O projeto Bem-me-quer; Mal-me-quer - O Impacto das Representações Sociais na Luta Contra a Pobreza em Portugal, foi promovido pela EAPN – Rede Europeia Anti Pobreza /Portugal, em 2013/2014. O projeto foi cofinanciado pelo POAT/FSE – Programa Operacional de Assistência Técnica – Fundo Social europeu, área de intervenção 5 – Estudos e Avaliação.

O objetivo geral do projeto centrou-se na realização de uma investigação para analisar as representações sociais que técnicos e dirigentes de instituições públicas e privadas, que trabalham na área social, têm relativamente aos fenómenos de pobreza e exclusão social e o impacto dessas representações no trabalho que desenvolvem. Os objetivos específicos do estudo passaram por:

- Perceber de que forma as representações sociais face à pobreza e exclusão social enformam a intervenção e a atuação dos técnicos e dirigentes junto dos utentes/clientes.

- Conhecer em que medida a execução das políticas de carácter social direcionadas para o combate à pobreza e à exclusão social são influenciadas pelas representações dos técnicos e dirigentes das instituições públicas e privadas que executam estas políticas.

- Perceber em que medida os técnicos e dirigentes que atuam na área social têm consciência, por um lado, do poder que exercem sobre os seus utentes/clientes e por outro lado, das representações que possuem face as problemáticas com que trabalham.

O Núcleo Distrital do Porto da EAPN Portugal pretende continuar a divulgar os resultados do estudo, multiplicando assim a oportunidade de reflexão e debate sobre os mesmos, de forma participada, nomeadamente no que diz respeito a um conjunto de linhas orientadoras para combater os estereótipos, contribuindo assim para a promoção de ações mais eficazes ao nível da luta contra a pobreza e a exclusão social."


+ info:
Claudia Albergaria
Núcleo Distrital do Porto da EAPN Portugal
porto@eapn.pt...
Rua das Taipas, 83, 2º andar
4050 600 Porto
Tel. + 00351 222 086 061 Fax: + 00351 222 089 106
www.eapn.pt

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

AÇÃO DE FORMAÇÃO, Beja


 INTERVENÇÃO COM FAMÍLIAS: DESAFIOS E METODOLOGIAS 

Olhar para as famílias que solicitam/necessitam de ajuda é frequente olhar para um rol de problemas complexos e infindáveis. Ao iniciarmos a intervenção procuramos conhecer melhor esses problemas e não é raro encontramos famílias nesse mar de mais e mais obstáculos, dificuldades e impossibilidades, muitas vezes multigeracionais. Através da abordagem sistémica procuramos intervir no todo familiar e considerando toda a rede envolvida na comunidade, ao nível das suas dinâmicas e inter-relações, de modo a promover uma mudança inclusiva e gratificante, potenciando uma filosofia orientada para soluções e recursos.

 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

 1. Introdução à abordagem sistémica. Família e Comunidade enquanto Sistemas.
 2. Genograma. Ecomapa. O técnico – entre a Família, a Equipa e a Instituição;
 3. O Ciclo Vital da Família
 4. Terapia Breve Orientada para as Soluções. Terapias Narrativas;
 5. Inquérito Apreciativo (IA). IA & Sistemas Familiares;

 6. Operacionalização dos temas abordados – Reflexão sobre as suas mais-valias (World Café)

 OBJETIVO GERAL // OBJETIVOS ESPECÍFICOS

 - Reforçar as competências dos técnicos no trabalho social a desenvolver com as famílias;
 - Conhecer e/ou aprofundar conhecimentos sobre a abordagem sistémica e modo a otimizar a intervenção familiar e comunitária;
 - Desenvolver uma perspetiva sistémica na avaliação das famílias.

 DIAS 25 e 26 de fevereiro de 2016
 HORÁRIO 9h30 às13h00 e das 14h00 às 17h30
 DURAÇÃO 14h
 LOCAL Biblioteca Municipal de Beja
 INSCRIÇÃO Associados/as da EAPN Portugal:35€ // Não associados/as: 55€
 PÚBLICO-ALVO Técnicos e dirigentes de organizações de intervenção social e organismos públicos
 ÁREA DE FORMAÇÃO 762 – Trabalho Social e Orientação
 MODALIDADE DE FORMAÇÃO Formação contínua de atualização
 FORMA DE ORGANIZAÇÃO Formação presencial
 CRITÉRIOS DE SELEÇÃO Prioridade a associados/as da EAPN Portugal // Número de ordem de receção da inscrição
 CERTIFICADO DE FORMAÇÃO Presença obrigatória em pelo menos 80% do total da duração da ação e aproveitamento no final da formação
 FORMADORA Catarina Rivero. Psicóloga Clínica e Terapeuta Familiar. Docente Convidada no Instituto Piaget Almada, nas áreas da Psicoterapia, e Terapia Familiar e Comunitária. É co-autora, com Helena Marujo, do livro Positiva-Mente, editado em 2011 pela Esfera dos Livros, e do Manual de Práticas Colaborativas e Positivas na Intervenção Social, editado em 2013 pela EAPN Portugal. Desde 2004 tem desenvolvido várias ações de formação, workshops e palestras nas áreas da Psicologia Positiva, Bem-Estar, Motivação, Intervenção Social, Trabalho em Equipa, Famílias e Conjugalidade. Fez formação em Terapia Familiar pela Associação Portuguesa de Terapia Familiar e Comunitária (APTEFC). É Master em Terapia Familiar e Sistemas da Faculdade de Medicina da Universidade de Sevilha. Possui ainda Master Executivo em Psicologia Positiva Aplicada pela Universidade de Lisboa. Tem colaborado em vários programas de televisão, bem como em artigos de diversos jornais e revistas sobre as áreas do Bem-Estar, Psicologia e Terapia Familiar. Teve uma rubrica regular sobre Família durante dois anos - Labirintos Familiares - no programa Mais Mulher da SIC Mulher. www.catarinarivero.com

 As inscrições são limitadas a 20 participantes e devem ser realizadas até ao dia 23 de fevereiro para:
 EAPN Portugal / Núcleo Distrital de Beja
 Rua do Jornal Ala Esquerda, 20 | 7800-301 Beja
Tel: 284325744 | Fax: 284325745 | E-mail: n.beja@eapn.pt

Guia para Facilitadores/as Direitos Humanos e Cidadania

Guia para Facilitadores/as Direitos Humanos e Cidadania


« A EAPN Portugal e o Agrupamento de Escolas de Oliveira do Bairro vão realizar uma sessão pública de apresentação do Guia para Facilitadores/as Direitos Humanos e Cidadania, no próximo dia 29 de janeiro de 2016, às 15h30, no Auditório da Escola Secundária de Oliveira do Bairro. A iniciativa é dirigida à comunidade em geral e à comunidade escolar em específico.
Este Guia tem os seguintes objetivos:...
- sensibilizar as crianças e os jovens para as questões da cidadania e da igualdade, assim como os vários atores que com elas/es contactam no meio escolar, contribuindo desta forma para o desenvolvimento de uma sociedade mais inclusiva;
- contribuir para um conhecimento mais aprofundado sobre os direitos humanos e a cidadania, assim como para a formação de cidadãos/ãs mais responsáveis e participativo/as;
- promover a reflexão no meio escolar sobre as questões da igualdade, da cidadania e dos direitos humanos, relacionando-os com as situações de pobreza e exclusão social;
- sensibilizar para a importância do envolvimento de todos/as na luta por um mundo livre de exclusão e pobreza, partindo dos cidadãos/ãs mais jovens que têm nas mãos a grande missão de construírem um mundo melhor.


+ info:
Cristina Mamede
Técnica do Núcleo Distrital de Aveiro
aveiro@eapn.pt
EAPN Portugal/ Rede Europeia Anti-Pobreza
Estrada Nova do Canal, n.º 111, R/C Dto.
Vera Cruz
3800-236 Aveiro
Tel.: + 00351 234 426 702 Fax: + 00351 234 426 246
www.eapn.pt

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

AÇÃO DE FORMAÇÃO, Viana do Castelo


CAPACITAÇÃO DE CUIDADORES INFORMAIS PARA
 PRESTAÇÃO DE CUIDADOS A PESSOAS COM DEMÊNCIA NO DOMICILIO

Cuidar de alguém com demência significa um trabalho de 24 horas. Para além dos cuidados prestados pelas famílias reduzirem a necessidade de cuidados profissionais, os cuidadores informais deixam de ter tempo para trabalhar de forma remunerada ou para desenvolver qualquer outro tipo de actividade. As pessoas ficam isoladas do convívio social num trabalho a tempo inteiro. A grande maioria da população de cuidadores informais ainda se encontra sem as informações e suporte necessários à assistência, o que se torna um factor de risco.

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

  • As estratégias de orientação para os cuidadores;
  • Compreender a demência; A relação de cuidar;
  • Comunicação e as alterações de comportamento;
  • Delineação de estratégias de orientação para cada caso.
OBJETIVO GERAL
Avaliar as necessidades dos cuidadores informais ao nível da formação/orientação;
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
Dar orientações de forma eficaz aos cuidadores informais com vista à melhoria da qualidade dos cuidados prestados à pessoa com demência e consequente melhoria da qualidade de vida de quem cuida e de quem é cuidado.

METODOLOGIAS DE FORMAÇÃO E AVALIAÇÃO
Dinâmicas e trabalho em grupo, elaboração de material informativo.


DIAS 10 / 11 Fevereiro 2016
HORÁRIO 10.00h -13.00h / 14.00h -17.00h
DURAÇÃO 12 horas
LOCAL EAPN Viana do Castelo – Rua Salvato Feijó - Torre “Active Center”, 1º Andar Loja AA Viana do Castelo
INSCRIÇÃO Associados/as da EAPN Portugal: 30€ // Não associados/as: 50€
PÚBLICO-ALVO Profissionais da área social, e todas (os) as profissionais que trabalham com pessoas com demências
ÁREA DE FORMAÇÃO 762 – Trabalho Social e Orientação
MODALIDADE DE FORMAÇÃO contínua/ de actualização
FORMA DE ORGANIZAÇÂO Formação presencial.
CRITÉRIOS DE SELEÇÃO Prioridade a associados/as da EAPN Portugal // Número de ordem de recepção da inscrição
CERTIFICADO DE FORMAÇÃO Presença em pelo menos 80% do total da duração da acção
FORMADORA Patrícia Paquete, Terapeuta Ocupacional, doutoranda em Saúde Pública na Faculdade de Ciências Médicas de Lisboa – UNL.
INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES Ficha de Inscrição em anexo // A Ficha de Inscrição pode ser fotocopiada.


As inscrições são limitadas a 22 participantes e devem ser realizadas até ao dia 09 Fevereiro 2016 para:
EAPN Viana do Castelo – Rua Salvato Feijó - Torre “Active Center”, 1º Andar Loja AA Viana do Castelo
Correio electrónico: vianadocastelo@eapn.pt (meio preferencial)

Telefone: 258817034

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

AÇÃO DE FORMAÇÃO, Lisboa


CONCEÇÃO DE PROJETOS DE INTERVENÇÃO SOCIAL E ELABORAÇÃO DE CANDIDATURAS

Os projetos de intervenção social marcam a vida das organizações. Para conceber e gerir projetos é fundamental conhecer os desafios decorrentes do todo o processo, desde a sua criação à sua implementação....
Nesta ação de formação, serão apresentadas as etapas inerentes ao desenho de projetos e candidaturas de intervenção social.

DIAS 15, 16 e 22 de fevereiro de 2016
HORÁRIO 9h30 às12h30 e das 14h00 às 17h00
DURAÇÃO 18h
LOCAL Núcleo Distrital de Lisboa da EAPN Portugal | Rua Soeiro Pereira Gomes, 7, Apartamento 311 | 1600-196 Lisboa
INSCRIÇÃO Associados da EAPN Portugal: 45€ // Não associados: 75€
PÚBLICO-ALVO Profissionais da área social
ÁREA DE FORMAÇÃO 762 – Trabalho Social e Orientação
MODALIDADE DE FORMAÇÃO Formação contínua de atualização
FORMA DE ORGANIZAÇÃO Formação presencial
CRITÉRIOS DE SELEÇÃO Prioridade a associados da EAPN Portugal // Número de ordem de receção da inscrição
CERTIFICADO DE FORMAÇÃO Presença obrigatória em pelo menos 80% do total da duração da ação e aproveitamento no final da formação
FORMADOR Paulo Teixeira
Mestre em Planeamento e Avaliação de Processos de Desenvolvimento e Licenciado em Sociologia e Planeamento pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE). Possui uma vasta experiência profissional, tendo trabalhado para ONG, na coordenação de equipas de projetos de intervenção, e para o Estado, no planeamento e acompanhamento da implementação de Programas Nacionais (nomeadamente o Programa Rede Social, no extinto IDS – Instituto para o Desenvolvimento Social e posteriormente no Instituto de Segurança Social). Exerce atualmente as funções de consultor e formador, colaborando também com instituições do Ensino Superior, como o Instituto Superior de Psicologia Aplicada (ISPA), onde leciona cadeiras ligadas à avaliação de programas e projetos. É frequentemente convidado como perito em avaliação de políticas, programas e projetos por organizações internacionais como a Comissão Europeia (nomeadamente DG Regio, DG Home e DG for Employment, Social Affairs & Inclusion), Council of Europe Development Bank ou Council of Europe Youth Department, só para citar algumas. Integrou ainda a Direção da Sociedade Europeia de Avaliação (European Evaluation Society – EES). Neste momento integra a direção da, recentemente criada, Associação Ibérica de Profissionais pela Avaliação sediada em Madrid.
As inscrições são limitadas a 20 participantes e devem ser realizadas até ao próximo dia 10 de fevereiro para:
EAPN Portugal/Núcleo Distrital de Lisboa
Rua Soeiro Pereira Gomes, nº 7 Apartamento 311 - 1600-196 Lisboa
Telefone: 217986448 | e-mail: lisboa@eapn.pt

ACONTECEU NA POLÓNIA



A EAPN Portugal, representada pela Diretora Executiva, Sandra Araújo, participou numa Conferência sobre a Participação das Pessoas em Situação de Pobreza e/ou Exclusão social organizada pela WRZOS, Rede Polaca, no passado dia 15 de janeiro.

WORKSHOP FORMATIVO, Lisboa


Intervenção na Crise em Saúde Mental Comunitária 
4ª edição

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS
1. Enquadramento geral da Teoria da Crise e da Intervenção em situações de crise ...
2. As especificidades da crise na área da saúde mental
3. Diretivas antecipadas e planos de intervenção em situações de crise
4. A abordagem ecológica e colaborativa da intervenção individual na área da saúde mental

OBJETIVOS ESPECÍFICOS
- Abordar métodos e técnicas de intervenção em situações de crise na área da saúde mental
- Delinear e implementar estratégias de intervenção e suporte em situações de crise em contextos comunitários

DIA 19 de fevereiro de 2016
HORÁRIO 9h30 às12h30 e das 14h00 às 17h00
DURAÇÃO 6h
LOCAL Núcleo Distrital de Lisboa da EAPN Portugal | Rua Soeiro Pereira Gomes, 7, Apartamento 311 | 1600-196 Lisboa
INSCRIÇÃO Associados da EAPN Portugal: 15€ // Não associados: 25€
PÚBLICO-ALVO Técnicos da área social e Profissionais de Organizações Sem Fins Lucrativos
ÁREA DE FORMAÇÃO 762 – Trabalho Social e Orientação
MODALIDADE DE FORMAÇÃO Formação contínua de atualização
FORMA DE ORGANIZAÇÃO Formação presencial
CRITÉRIOS DE SELEÇÃO Prioridade a associados da EAPN Portugal // Número de ordem de receção da inscrição
CERTIFICADO DE FORMAÇÃO Presença obrigatória em pelo menos 80% do total da duração do Workshop
FORMADORA
Maria João Vargas Moniz. Doutorada em Psicologia Comunitária
As inscrições são limitadas a 20 participantes por Workshop e devem ser realizadas até ao dia 15 de fevereiro para:
EAPN Portugal/Núcleo Distrital de Lisboa
Rua Soeiro Pereira Gomes, nº 7 Apartamento 311 - 1600-196 Lisboa
telefone: 217986448 e-mail: lisboa@eapn.pt

ACONTECEU NO NÚCLEO DISTRITAL DE VILA REAL



« Durante o mês de Janeiro estão a ser dinamizadas seis Oficinas de Participação e Cidadania, direcionadas para famílias multidesafiadas concelho de Mesão Frio.
Promovidas pelo Núcleo Distrital de Vila Real da EAPN Portugal, em parceria com o CLDS 3G Porta D`Ouro (promovido pela Santa Casa da Misericórdia de Mesão Frio), a Rede Social de Mesão Frio e o Município de Mesão Frio, estas oficinas pretendem potenciar o desenvolvimento pessoal de cidadãos/ãs que se encontram em sit...uação de vulnerabilidade e pobreza. Com uma forte aposta na positividade e na mudança do foco nos problemas para o foco nas soluções e potencialidades, pretende-se desenvolver competências e abordagens estimulando o trabalho em rede entre as instituições locais e as pessoas que se encontram inseridas em famílias multidesafiadas, assim denominadas devido aos múltiplos desafios e problemas que enfrentam diariamente.
Contamos novamente com a excelente psicóloga clinica e coach Patrícia Arrais como dinamizadora escolhida para facilitar e animar estas Oficinas.
Com este grupo de 23 participantes pretendemos aumentar a auto-confiança e auto-estima das famílias e proporcionar ao mesmo tempo espaços de partilha.
Oficinas é sinónimo de mãos à obra e, por isso, estamos todos/as empenhados/as em fazer destas oficinas uma prática diária na intervenção com as famílias multidesafiadas.
Obrigada a todos/as! »

Catarina Oliveira | Técnica do Núcleo Distrital de Vila Real
+ INFO:
Catarina Oliveira
EAPN Portugal/Rede Europeia Anti – Pobreza
Técnica do Núcleo Distrital de Vila Real
vilareal@eapn.pt
Rua Dr. Francisco Sales da Costa Lobo, lote 5, -1 rc/esquerdo 3 B
5000-260 Vila Real
T: +00351 259322579 F: +00351 259322001 T: 964764081
www.eapn.pt

AÇÃO DE FORMAÇÃO, Santarém



INTERVENÇÃO COM PESSOAS COM DEMÊNCIA EM CONTEXTO INSTITUCIONAL
O aumento do número de pessoas com demência a residir em instituições de longa duração e consequente aumento de pessoas com dependência, criou uma necessidade crescente de mudança do paradigma de prestação de cuidados nestas instituições. Um dos principais indicadores de qualidade é a qualidade de vida e o bem-estar dos residentes e, só com uma nova abordagem na forma como os cuidados são organizados e efetuados será possível atingir estes objetivos. Nesta formação apresenta-se uma perspetiva da pessoa com demência totalmente diferente da que temos atualmente nas Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas e que visa um maior bem-estar para quem cuida e para quem é cuidado.
CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS
1. O conceito de demência e os vários tipos de demência
2. Modelos de intervenção em demência
3. A abordagem centrada na pessoa com demência
4. As necessidades das pessoas com demência
5. Novo Modelo de Planeamento de Cuidados
OBJETIVO GERAL
Aprofundar os conhecimentos sobre os diferentes tipos de demência, o seu quadro clínico e as necessidades das pessoas com demência que se encontram institucionalizas.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
- Conhecer o conceito de demência e as suas várias formas, bem como os princípios básicos da abordagem centrada na pessoa com demência
- Reconhecer as necessidades psicológicas das pessoas com demência
- Conhecer novas formas de intervir junto das pessoas com demência, aplicando a abordagem centrada na pessoa com demência
- Redefinir os objetivos de intervenção das Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas, tendo em conta as necessidades psicológicas das pessoas com demência
- Aplicar a metodologia de resolução às situações apresentadas em sala, com o objetivo de as adaptar às situações em contexto real.


DIA 17 e 18 de fevereiro de 2016
HORÁRIO 10h00 às13h00 e das 14h00 às 17h00
DURAÇÃO 12h
LOCAL D'LGS Global Seguros Lda., Rua Serpa Pinto nº95, 1º - 2000 Santarém
INSCRIÇÃO Associados/as da EAPN Portugal: 30€ // Não associados/as: 50€
PÚBLICO-ALVO Técnicos/as que trabalham em instituições com pessoas com demência
ÁREA DE FORMAÇÃO 762 – Trabalho Social e Orientação
MODALIDADE DE FORMAÇÃO Formação contínua de atualização
FORMA DE ORGANIZAÇÃO Formação presencial
CRITÉRIOS DE SELEÇÃO Prioridade a associados/as da EAPN Portugal // Número de ordem de receção da inscrição
CERTIFICADO DE FORMAÇÃO Presença obrigatória em pelo menos 80% do total da duração da ação e aproveitamento no final da formação
FORMADORA Patrícia Paquete
Terapeuta Ocupacional. Avaliadora em DCM (Dementia Care Mapping) pela Universidade de Bradford. Doutoranda na Faculdade de Ciências Médicas (Ciências da Vida – especialidade em Saúde Pública).
As inscrições são limitadas a 20 participantes e devem ser realizadas até ao próximo dia 10 de fevereiro para:
EAPN Portugal / Núcleo Distrital de Santarém Com o Apoio:
Rua Prior do Crato, n.º 2 | 2005-365 Santarém
telefone: 243306279 | santarem@eapn.pt