Follow by Email

sexta-feira, 30 de março de 2012

Workshops: “coaching” para a empregabilidade


Workshops sobre “coaching” para a empregabilidade, realizados no âmbito do protocolo que a EAPN Portugal tem com o Instituto do Emprego e Formação Profissional.


Objetivo geral:
Organização de ações de sensibilização e informação para públicos com dificuldades de inserção no mercado de trabalho, para aprofundar conhecimentos e desenvolver competências profissionais e relacionais, tendo em vista uma melhor adaptação ao mercado laboral e o reforço da sua empregabilidade.

Objectivos específicos:
• Levar a uma tomada de consciência sobre o sentido de propósito que conduza à responsabilização em relação à própria vida;

• Levar à tomada de consciência que os obstáculos podem ser encarados como desafios e oportunidades de crescimento

• Definir e trabalhar sobre objectivos positivos para a vida

• Desenvolver uma visão integradora entre o passado, presente e o futuro

• Construir uma estória sobre si próprio que permita construir um futuro

• Tomar consciência que, não obstante todas as circunstâncias, a responsabilidade é sempre nossa

• Tomar consciência que cada ser humana está sempre no AGORA e que é co-criador da realidade: tudo começa num ponto dentro de nós.

Público-alvo:
• Pessoas em situação de pobreza e de exclusão social

+ INFO
EAPN Portugal / Rede Europeia Anti-Pobreza
Departamento de Desenvolvimento e Formação
julio.paiva@eapn.pt
Rua de Costa Cabral, 2368
4200-218 Porto
Tel. 00351 225420807
Fax. 00351 225403250
http://www.eapn.pt/

Livro Branco da Juventude


« O terceiro dos 5 Encontros Regionais Livro Branco da Juventude é na Guarda, dia 11 de abril, no auditório do IPJ da Guarda (Av. Alexandre Herculano) e vai abordar as seguintes temáticas:

• Saúde

• Prevenção Rodoviária

• Meio Ambiente

Livro Branco da juventude: a recolha de contributos/opiniões e de discussão

Cerca de 200 jovem contribuíram através da plataforma online, com a sua opinião sobre o que não funciona ou o que tem de mudar na sociedade portuguesa sobre 16 temas de interesse para a Juventude.
Vai agora iniciar-se o processo de discussão em conjunto com estes Encontros/Seminários.

Plataforma de contributos e Sessões Regionais
Embora a Plataforma de Recolha de Contributos para o Livro Branco da Juventude esteja oficialmente fora de serviço desde 29 de fevereiro, podes, se assim o entenderes, dar ainda o teu contributo, pois vão decorrer atividades do Livro Branco da Juventude durante os próximos meses de março, abril e maio, incluindo as 5 Sessões Regionais e uma Sessão Nacional.

Nestas Sessões/Encontros vão ser debatidos 3 temas em cada uma das cinco regiões.
Se ainda quiseres participar...
Podes fazê-lo na Internet. A recolha de contributos para a área da juventude realiza-se na plataforma online: » http://microsites.juventude.gov.pt/Portal/LBJ

Objetivo do Livro Branco da Juventude
Recolher contributos para a elaboração de um documento a nível nacional que defina uma estratégia global e um plano de ação na área da Juventude, à semelhança dos Livros Brancos da Comissão Europeia.
Áreas para apresentação de ideias e sugestões
O que pode melhorar? O que não funciona? O que propões para o futuro?
Foram cerca de 200 contributos efetivos em 16 áreas, mas ainda podes dar a tua opinião.

• Ambiente e Desenvolvimento Sustentável,

• Associativismo,

• Combate à desigualdade de Oportunidades,

• Cultura, Inovação e Criatividade,

• Emancipação Jovem,

• Emprego e Empreendedorismo,

• Formação (superior e não superior, formal e não formal)

• Habitação,

• Inclusão Social,

• Jovem Português no Espaço Europeu e no Mundo,

• Mobilidade,

• Participação Cívica,

• Prevenção Rodoviária,

• Saúde, prevenção dos comportamentos de risco (combate à obesidade, álcool e toxicodepência),

• Solidariedade Intergeracional,

• Voluntariado.

Particularmente na Zona Centro todos os interessados poderão solicitar mais informações nas Lojas Ponto JA do IPJ de Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria e Viseu ou consultar o
Portal da Juventude em:
http://www.juventude.gov.pt/

quarta-feira, 28 de março de 2012

Encontro Regional de Associados da EAPN Portugal

[clicar na imagem para ler]

Envelhecimento Ativo e Intergeracionalidade



Seminário Envelhecimento Ativo e Intergeracionalidade, 23 de maio,
na Universidade do Minho, em Braga

A inscrição é gratuita, mas obrigatória.



Data limite para inscrição on-line AQUI : 18 de maio

Encontro Internacional Saúde com Arte

CONVITE «A Sociedade Artística Musical dos Pousos, tem o prazer de convidar V.ª Ex.ª para o 3º Encontro Internacional Saúde com Arte (EISA), que se irá realizar nos dias 29 e 30 de Março.


Promovido pela SAMP em parceria com o Centro Hospitalar Leiria-Pombal, e com o apoio da Fundação Caixa Agrícola de Leiria, o EISA é um espaço de reflexão e formação dirigido a todos os profissionais com interesse pela relação Arte e Saúde.

De momento, já estamos a aceitar inscrições, que informamos serem limitadas.


+ INFO

 /http://eisa-samp.blogspot.com/

terça-feira, 27 de março de 2012

Tendências de Mercado e Inovação

[clicar na imagem para aumentar]


+ INFO

EAPN Portugal/ Núcleo Distrital de Santarém
Rua Prior do Crato, nº2 2005-364 Santarém
T:00351-243 306 279
santarem@eapn.pt
http://www.eapn.pt/

Representações sobre comunidades ciganas: o que se conhece e o que se desconhece



+ INFO

EAPN Portugal/ Núcleo Distrital de Viseu
viseu@eapn.pt

Rua D. António Alves Martins nº 14, 4º BE

Edifício Liberal

3500-078 VISEU

Telefone:232468472 Fax:232468474

www.eapn.pt

sexta-feira, 23 de março de 2012

GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

AÇÃO DE FORMAÇÃO


GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

Devido às constantes mudanças de natureza económica e social é essencial apostar na gestão de recursos humanos, visto que a continuidade da sua existência será determinada, pela qualidade agregada aos serviços. Tendo como base as pessoas motivadas, é com um bom nível de qualidade pessoal e profissional, que permite às instituições atrair, manter e desenvolver os talentos humanos.

Dias, 11,12,18 e 19 de abril.

+ INFO
EAPN Portugal / Núcleo Distrital de Castelo Branco

Campo Mártires da Pátria,
Biblioteca Municipal de Castelo Branco 2º andar
6000 - 000 Castelo Branco
Tel: 272 328 333
Fax: 272 328 334
E-mail: castelobranco@eapn.pt

"Recados & Companhia" - Voluntários precisam-se!

«O "Recados & Companhia", projeto de voluntariado intergeracional, precisa de 60 jovens voluntários até julho.


Esta rede de solidariedade tem por objetivo a melhoria da qualidade de vida das pessoas idosas (65 e mais anos), em situação de isolamento e/ou solidão.

Tarefas dos jovens voluntários:

• Conversar;

• Fazer companhia;

• Ler os jornais/ livros/ revistas;

• Acompanhar os idosos nas suas atividades de vida diária e em momentos de lazer(fazer compras, ir ao médico e ir ao cinema/ teatro, realizar passeios, entre outros).

Assim, 60 voluntários, divididos em equipas de 10 elementos - 6 equipas formadas por 8 voluntários e 2 voluntários coordenadores -irão apoiar 120 idosos dos concelhos de:

• Gaia,

• Loures,

• Matosinhos,

• Porto,

• Setúbal e

• Sintra.


Até quando?

Julho.

Quem pode participar?

Jovens com idades compreendidas entre os 16 e os 30 anos.

Disponibilidade necessária

4 horas diárias (entre as 8h e às 19h)

Inscrição

Lisboa
Parque Expo – ipj.lisboa@ipj.ptSetúbal

- ipj.setubal@ipj.pt

- Porto - ipj.porto@ipj.pt

Seleção

A seleção de voluntários tem duas fases: 1) pré seleção e 2) seleção.

1) A pré-seleção tem como critérios a proximidade geográfica, disponibilidade, experiência anterior em voluntariado em geral e especificamente no apoio a idosos.

2) A seleção tem por base uma avaliação curricular e entrevista. Nesta fase serão selecionados os voluntários coordenadores. São responsáveis pela seleção o IPJ e o ISS – Instituto da Segurança Social,I.P.

+ INFO

 www.juventude.gov.pt

"Verdade ou consequência"


+ INFO
http://www.feeetica.net/

quarta-feira, 21 de março de 2012

GESTÃO DE ORGANIZAÇÕES SEM FINS LUCRATIVOS


AÇÃO DE FORMAÇÃO

GESTÃO DE ORGANIZAÇÕES SEM FINS LUCRATIVOS
…ÚLTIMAS VAGAS…



CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS


  • Planeamento Estratégico e Avaliação Organizacional - conceitos-chave e dinâmica
  • Abordagens e metodologias de avaliação organizacional
  • O diagnóstico estratégico enquanto resultado de uma avaliação organizacional
  • Da avaliação organizacional ao planeamento estratégico
  • Modelo de plano estratégico - componentes e sua utilidade
  • Ligação entre o processo de planeamento estratégico organizacional e o planeamento operacional
DIAS 11, 12, 17 e 20 de abril

+ INFO
EAPN Portugal / Núcleo Distrital de Lisboa

Rua Soeiro Pereira Gomes, nº 7 Apartamento 311 -
1600-196 Lisboa
telefone: 217986448 fax: 217976590 e-mail: lisboa@eapn.pt



QUE FUTURO PARA A ECONOMIA?


Conferência

QUE FUTURO PARA A ECONOMIA?

- CONTRIBUTOS DA ANTROPOLOGIA JUDAICO-CRISTÃ Elena Lasida*


30 Março. às 18:00 horas, na Fundação Cidade de Lisboa, Campo Grande, 380. Lisboa


Entrada Livre!

*Professora de Economia na Faculté de Sciences Sociales et Economiques do Institut Catholique de Paris de que é também Vice-reitora para a investigação.
Dirige um Mestrado em “Economia Solidária e lógica do mercado”.
A sua obra mais recente intitula-se Le goût de l'autre. La crise, une chance pour réinventer le lien, editada pela Albin Michel.

+ INFO
http://www.fundacao-betania.org/

Exposição de fotografias “Habitação no Concelho de Beja”


Exposição de Fotografias “Habitação no Concelho de Beja”
19 a 26 de março
Instalações do Instituto Português do Desporto e da Juventude em Beja



«A presente exposição obedece ao tema “Habitação no Concelho de Beja” e pretende dar a conhecer as diferentes habitações existentes localmente.
Objetivos:
Chamar a atenção para a pobreza nas suas diferentes representações, para as diversas questões que lhe estão ligadas e para a emergência da sua erradicação, no âmbito geográfico do Concelho de Beja ao nível habitacional.»

+ INFO
Núcleo Distrital de Beja
EAPN Portugal/ Rede Europeia Anti-Pobreza
Rua de Mértola 43 2º Esq.
7800-475 Beja
Tel. + 00351 284 325 744 Fax: + 00351 284 325 745
http://www.eapn.pt/

Ação de formação: Gestão de Conflitos


AÇÃO DE FORMAÇÃO

GESTÃO DE CONFLITOS
“A regra de ouro da conduta é a tolerância mútua, porque nunca pensamos todos da mesma forma e sempre veremos só uma parte da verdade sob diferentes ângulos.” - Ghandi

Sente que gostaria de ter mais recursos para lidar com desafios e conflitos? Na realidade atual é cada vez mais importante a existência de um bom relacionamento interpessoal na gestão organizacional e pessoal. Nesse sentido, esta formação visa preparar os formandos com estratégias e formas eficazes de diagnóstico e gestão de conflitos pessoais e grupais.

DIAS 11 e 12, 18 e 19 de abril

+ INFO
EAPN Portugal / Núcleo Distrital da Guarda

Largo Paço do Biu, N.º 19
6300-592 Guarda
telefone 271 227 506
fax 271 227 507
E-mail: guarda@eapn.pt

Quem é Quem...


O pelouro da Ação Social da Câmara Municipal de Valongo e a ADICE (Associação para o Desenvolvimento Integrado da Cidade de Ermesinde) promovem, nos dias 22 e 23 de março, mais uma edição da Feira “Quem é Quem”. Criada no âmbito do Contrato Local de Desenvolvimento Social – Projeto Interv@l – Plano de Intervenção em Valongo, [...]

+ INFO

http://www.cmvalongo.net/



Dia Mundial da Trissomia 21


Hoje, para além do Dia Mundial da Poesia, também se celebra o Dia Mundial da Trissomia 21.


Conheça uma boa história : aqui

Feira de Qualificação e Emprego



«Divulgação da Feira de Qualificação e Emprego de Aldoar a realizar na próxima sexta-feira, dia 23, na EB 2,3 Manoel de Oliveira, das 10h00 às 18h30. A Feira será unicamente para a comunidade escolar e das 18h30 às 20h será para a comunidade jovem e adulta que não frequenta o Agrupamento, mas que pretende obter informações no âmbito da Formação Profissional e oportunidades de Emprego.»

+ INFO
Associação de Ludotecas do Porto
Rua Alcaide Faria
4100–034 PORTO
TEL./FAX – 22 610 34 18
E-mail: ass.ludo.porto@gmail.com



Dia Mundial da Tuberculose

      
No próximo dia 24 de Março, celebra-se o DIA MUNDIAL DA TUBERCULOSE. A associação Mãos Unidas convida a conhecer as iniciativas para assinalar o dia, aqui

+ INFO
Associação Portuguesa de Solidariedade Mãos Unidas P. Damião

Rua Antero de Quental, 17 – 1º –
1150-041 LISBOA
Telefone: 21 351 57 20 - Fax: 21 351 57 27
Site: http://www.maos-unidas.pt/
E-mail: geral@maos-unidas.pt

Motivação no Trabalho




«Divulgamos a iniciativa CLUBE DOS DECISORES / Ciclo sobre Ciência Psicológica, Organizações e Trabalho, uma parceria entre o Departamento de Formação Permanente do ISPA e a Associação Portuguesa de Gestores e Técnicos de Recursos Humanos (APG). Trata-se de um programa de 7 temas, tratados num conjunto de seminários e de workshops de atualização do conhecimento sobre comportamento e desempenho no trabalho, focados na novas descobertas da Psicologia.

O 1º tema do CLUBE DOS DECISORES é a Motivação no Trabalho e será animado por Leonor Cardoso (Universidade de Coimbra) e Nuno Rebelo dos Santos (Universidade de Évora) e decorrerá em 19 de Abril (seminário no ISPA) e 28 de Abril (workshop no Novotel, em Lisboa).

+ INFO
Susana Silva - ssilva@ispa.pt

Lideranças partilhadas

«A Fundação Cuidar O Futuro, em parceria com o Centro de Investigação e Intervenção Educativas (CIIE) da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto (FPCEUP) e as demais entidades parceiras do projeto Literacia para a Igualdade de Género e Qualidade de Vida: Lideranças Partilhadas, convidar para:


Seminário Lideranças Partilhadas

Percursos de literacia para a igualdade de género e qualidade de vida

29 de março, 14:30 - 19:00, FPCEUP  - Auditório 1

A inscrição é gratuita, mas sujeita a limite de participantes. Inscreva-se aqui:

http://www.fpce.up.pt/limesurvey/index.php?sid=89792&lang=pt

+ INFO

http://liderancaspartilhadas.blogspot.com/

" O tráfico de Mulheres"


+ INFO
EAPN Portugal/ Rede Europeia Anti-PobrezaNúcleo Distrital de Setúbal


setubal@eapn.pt
Av. D. João II, Nº14 - R/C Dtº
2910-548 Setúbal
Tel: +00351 265 535 330 Fax: +00351 265 535 329
http://www.eapn.pt/

As incrições ainda estão abertas!


AÇÃO DE FORMAÇÃO

AS COMUNIDADES CIGANAS E A INTERVENÇÃO SOCIAL

A inclusão dos ciganos é uma prioridade social urgente, já que cerca de 8 milhões de cidadãos da UE

pertencem a essa etnia e vivenciam situações de marginalização, exclusão social, discriminação,

segregação e pobreza extrema. É tendo por base este contexto, que a EAPN Portugal considera fulcral e

indispensável concentrar todos os esforços nesta problemática no sentido de garantir e de assegurar, de

uma vez por todas, a construção de um processo de inclusão das comunidades ciganas. Para tal é

premente conhecer estas comunidades, as suas necessidades e os desafios que se colocam à sua efetiva

inclusão para, dessa forma, permitir uma melhor, mais atualizada, efetiva e, consequente, intervenção.
 
Dias 27 de Março; 13, 20, 27 e 28 de Abril
 +INFO
 
EAPN Portugal

Rua Costa Cabral, nº 2368 – 4200 – 218 Porto
telefone 225420809 e fax 225403250
E-mail: mj.vicente@eapn.pt - Maria José Vicente

UMA PEQUENINA LUZ, Jorge de Sena, para celebrar o Dia Mundial da Poesia

Programa «Juventude em Acção»



«Acção 3.2 — «Juventude no mundo»: Cooperação com outros países não vizinhos da União Europeia

Este convite à apresentação de propostas destina-se a apoiar projetos que fomentem a cooperação no domínio da juventude entre países do Programa «Juventude em Acção» e Países Parceiros que não são vizinhos da União Europeia (países que celebraram um acordo com a União Europeia no domínio da juventude). Este convite concede subvenções a projetos.

Os seus objetivos são os seguintes:

- melhorar a mobilidade dos jovens e dos profissionais ativos no sector da juventude,

- promover a capacitação e a participação ativa dos jovens,

- encorajar o reforço das capacidades das organizações e estruturas de juventude para que contribuam para o desenvolvimento da sociedade civil,

- promover a cooperação e o intercâmbio de experiências e de boas práticas no domínio da juventude e da educação não formal,

- contribuir para o desenvolvimento das políticas da juventude, do trabalho no sector da juventude e do voluntariado, e

- desenvolver parcerias e redes duradouras entre organizações de juventude.

Será dada preferência aos projetos que melhor reflitam as prioridades permanentes e anuais do Programa «Juventude em Acção»: (consultar informação detalhada):

Candidatos elegíveis

As propostas devem ser apresentadas por organizações sem fins lucrativos. Estas organizações podem ser:

- organizações não governamentais (ONG), - entidades públicas a nível regional ou local, ou- conselhos de juventude a nível nacional. O mesmo se aplica às organizações parceiras.

No prazo indicado para a apresentação de propostas, os candidatos devem estar legalmente estabelecidos, há pelo menos dois (2) anos, num dos países do Programa.

Os projetos devem envolver parceiros de pelo menos quatro países diferentes (incluindo o organismo candidato), a saber, no mínimo dois Países do Programa, dos quais pelo menos um Estado-Membro da União Europeia, e dois Países Parceiros.

No âmbito do Ano da Juventude UE-China 2011, é permitida uma exceção no caso dos projetos em que a China participe como País Parceiro. Nesses casos, os projetos podem envolver apenas um País Parceiro (a China) e um ou mais Países do Programa, dos quais pelo menos um tem de ser Estado-Membro da União Europeia.

Ações e propostas elegíveis

O projeto deve incluir atividades sem fins lucrativos relacionadas com o domínio da juventude e da educação não formal.

Nas atividades apoiadas ao abrigo do presente convite à apresentação de propostas incluem-se, entre outras:

- eventos, seminários e conferências em grande escala dedicados à juventude, - atividades que incentivem o desenvolvimento de parcerias e redes,

- atividades que promovam o diálogo político no domínio da juventude,

- campanhas de informação e sensibilização a favor dos jovens e realizadas por jovens, - formação e reforço das capacidades dos profissionais ativos no sector da juventude, organizações de juventude e multiplicadores,

- observação de percursos profissionais e mobilidade a longo prazo dos profissionais ativos no sector da juventude.

Os projetos devem imperativamente ter início entre 1 de Setembro de 2012 e 31 de Dezembro de 2012, com uma duração mínima de 6 meses e máxima de 12 meses.

Prazo para a apresentação de candidaturas

As candidaturas devem ser enviadas o mais tardar até 15 de Maio de 2012 para o seguinte endereço:

Education, Audiovisual and Culture

Executive Agency Youth in Action Programme —

EACEA/09/11 BOUR 4/029Avenue du Bourget/Bourgetlaan 11140 Bruxelles/BrusselBELGIQUE/BELGIË

Informação complementar

Esta informação não dispensa a leitura das orientações detalhadas para os candidatos e os formulários de candidatura que se encontram disponíveis na Internet, no seguinte endereço: http://eacea.ec.europa.eu/youth/funding/2012/call_action_3_2_en.php


+ INFO

www.juventude.gov.pt

“Um Anjo dos Diabos”,


« A Associação Abraço – Associação de Apoio a Pessoas com VIH/Sida em parceria com o projeto escolar “As Fitas”, e o projeto musical “Batucada Radical”, irá levar a cabo mais uma campanha de prevenção na baixa da Cidade do Porto.


A atividade terá início às 22 horas de 24 de Março com a apresentação do musical “Um Anjo dos Diabos”, pelo Projeto “As Fitas”, e que decorrerá nas ruas da cidade, em alguns pontos específicos (início no Coreto – junto ao Jardim da Cordoaria; Praça do Leões; Clérigos; Rua das Galerias Paris; Rua Avis e Túnel de Ceuta).

Após a atuação d’ As Fitas, a intervenção continuará ao ritmo dos tambores com a Batucada Radical que irá animar a prevenção, percorrendo as mesmas ruas e proporcionando um excelente momento de partilha e diversão!

APARECE E PARTILHA DA NOSSA FESTA!

+ INFO
ABRAÇO - Associação de Apoio a Pessoas com VIH/Sida

Rua de Vila Nova, 315
4100 - 504 Porto
Tel: 22 375 66 55/6
Fax: 22 375 66 52
http://www.abraco.pt/

sexta-feira, 16 de março de 2012

Fórum Envelhecimento Ativo


+ INFO

Núcleo Distrital de Leiria
EAPN Portugal / Rede Europeia Anti-Pobreza
leiria@eapn.pt

Rua Capitão Mouzinho de Albuquerque, 107, 1.º Dto.
2400-194 Leiria
Tel. +00351 244 837 228 Fax: + 00351 244 837 229
http://www.eapn.pt/

quinta-feira, 15 de março de 2012

EAPN defende que 20% do Fundo Social Europeu seja utilizado na inclusão social


Financiamento do Programa Europeu de Ajuda Alimentar não deve constar naquele montante

A EAPN apela a todos os Estados-membros para que apoiem a proposta da Comissão Europeia (CE) no sentido de que 20 por cento do Fundo Social Europeu (FSE) seja utilizado na promoção da inclusão social e da luta contra a pobreza. Esta ação surge no seguimento da resposta da EAPN ao pacote legislativo para a Política de Coesão e, por isso, todos os países onde a EAPN está representada, inclusivamente Portugal, foram incitados a alertarem os Governos nacionais para diferentes questões que se prendem com a divisão e aplicação dos fundos comunitários. A carta enviada, ontem, aos responsáveis políticos portugueses foi assinada pelo presidente da EAPN Portugal, Padre Jardim Moreira.

“Os primeiros-ministros não podem por um lado, definir uma meta para reduzir a pobreza e, por outro, recusar a disponibilização dos recursos financeiros que podem contribuir para a atingir essa meta” explica Ludo Horemans, presidente da EAPN, acrescentando que “afetar 20 por cento do Fundo Social Europeu à promoção da inclusão social e da luta contra a pobreza, não condiciona os Estados-membros a investirem mais fundos na luta contra a pobreza e na promoção da inclusão. Isto é aquilo que os cidadãos esperam que a UE faça”, acrescentou Ludo Horemans. Por seu lado, Fintan Farrell, diretor da EAPN, diz que “esta afetação deve ser acompanhada de um sistema de monitorização, garantindo transparência”.

Na carta enviada aos governantes portugueses, a EAPN deixa clara a sua satisfação relativamente à proposta da CE, considerando-a um importante avanço na garantia de que o FSE irá contribuir de forma sistemática para alcançar o objetivo da redução da pobreza, deixando evidente o seu apoio às seguintes medidas: um orçamento consideravelmente superior e mais consistente para o FSE, isto é, um valor aproximado de 84 biliões de dólares, o que corresponde a cerca de 25% do orçamento total da Política de Coesão; a garantia de que 20% desse valor seja dedicado à inclusão social e à luta contra a pobreza; a inclusão ativa como uma prioridade de investimento no contexto do quarto objetivo temático sobre a inclusão social. Por outro lado, a EAPN chama a atenção para alguns fatores que colocam em risco o objetivo de redução da pobreza, nomeadamente, alguns Estados-membros estarem reticentes em aceitar a proposta de atribuição de 20% para a inclusão social. Diz, ainda, que o potencial impacto positivo desta medida “será totalmente subvertido se o financiamento do Programa Europeu de Ajuda Alimentar for transferido e incluído neste montante”, acrescentando, também, que “a garantia de 20% é o mecanismo mais eficaz para assegurar que o FSE dê um contributo justo e decisivo para o objetivo de redução da pobreza acordado pelos Estados-membros”.
Os documentos podem ser lidos na íntegra aqui

Joaquina Madeira quer uma Europa para todas as idades


«Alentejana dos “quatro costados” não sabe explicar bem porque tem, todos os anos, de regressar ao Minho e, por lá, recarregar energias que, “talvez, não sei ao certo, aquele verde intenso ajude a repor”. E intensidade, determinação, uma atenção acutilante à realidade que a circunda não faltam à coordenadora do Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e da Solidariedade entre Gerações.

Maria Joaquina Madeira, 65 anos, garante que, apesar da diferença geracional entre ela e o ministro da Solidariedade e Segurança Social, o diálogo e o trabalho estão em perfeita sintonia. Diz que são uma “boa prática, daquilo que este Ano Europeu também defende: diálogo e solidariedade entre gerações". De Maria Joaquina Madeira, Pedro Mota Soares, 37 anos, disse, durante o discurso de abertura do Ano Europeu, a 28 de Fevereiro, que “a sua ação, determinação e experiência são garantia de que Portugal saberá aproveitar este 2012”, acrescentando que a coordenadora “é uma pessoa incontornável na área social, com provas dadas e uma experiência transversal que será capitalizada no desenrolar deste Ano Europeu, nas suas diversas frentes”.

Doroteia, nos tempos de colégio, Maria Joaquina Madeira revê-se na rebeldia e no secretismo do “Clube dos Poetas Mortos”, um dos seus filmes de eleição. De resto, aprecia quem sobe para cima da mesa e se dispõe a ver as coisas noutra perspetiva.

Partilha algumas ideias de “Saberes e Pilares para a Educação do Século XXI”, de Edgar Morin, que tem na mesa-de-cabeceira, mas o seu pragmatismo e a atual conjuntura levam-na a citar Peter Druker, que, nos últimos 50 anos da sua carreira, deu grande atenção à transição histórica do trabalho industrial para o trabalho do conhecimento.
A FOCUSSOCIAL subiu a uma mesa e conversou com Maria Joaquina Madeira. Para ver o Ano Europeu numa outra perspetiva. A sua. »
A entrevista pode ser lida AQUI

Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e da Solidariedade Entre Gerações

quarta-feira, 7 de março de 2012

Março Mulher: “Participação Cidadã”



«Há já 19 anos que se faz o MARÇO MULHER. Promovido pela SEIES (Sociedade de Estudos e Intervenção em Engenharia Social) em parceria com a Câmara Municipal de Setúbal, o MARÇO MULHER só é (e foi) possível graças a centenas de pessoas voluntárias, de instituições, de empresas, que ao longo de 19 anos, generosamente, ofereceram o seu tempo, as suas ideias, e pelas suas mãos fizeram a festa pela Igualdade de Género, em Setúbal.

Este ano, com especial destaque, celebramos com alegria e muita energia a acção de fazer cidadania. E a isto chamamos o maior poder que, juntos/as, podemos de facto ter. É um poder transformador das pessoas e das cidades. É o poder de transformar os modos de vida. De trazer fragmentos de futuro para o nosso presente. De sonhar que podia ser melhor, mais justo e livre para todas as mulheres e todos os homens de todas as idades, e fazê-lo já hoje, um bocado de sonho a cada dia. Um futuro que não se adia.

A democracia nasceu na Grécia, na cidade de Atenas, há muitos séculos atrás. Aí os cidadãos reuniam-se numa praça, discutiam e votavam em conjunto todas as grandes decisões. As mulheres ficavam de fora, em casa. Cidadãos eram apenas os homens, e deles era o espaço público.

A palavra cidadania cresceu, porque NÓS crescemos. Cresceu a sua prática, porque se ampliou o direito de a exercer. Em Portugal, e por certo em todo o mundo, a cidadania não é uma dádiva, foi e é a conquista de muitas mulheres e homens que lutaram pela liberdade e pelo direito a participar, a ser cidadãos e cidadãs que fazem um país.

O Março Mulher de hoje é diferente do que se fez, pela primeira vez, há 19 anos. Já não é possível o recuo. Somos mais, estamos mais atentos/as e mais próximos/as. Os vizinhos estão aqui e no outro lado do mundo. Não saberíamos já viver isolados/as, na ignorância, no medo e no silêncio. Agora é urgente a nossa voz, das gentes que discutem o futuro a céu aberto.

Participe no MARÇO MULHER! Na sua companhia vai saber melhor.»

+ INFO

SEIES
R. José Pereira Martins, nº 14, 2900-437 Setúbal

Telefone: 265 547 450
Fax: 265 547 459
E-mail: seies@mail.telepac.pt

Debate: Igualdade Salarial, na FNAC

[clicar na imagem para aumentar]

Tertúlia "Que Género de cultura?"


Tertúlia "Que Género de cultura?"


Guimarães, 8 de Março às 21 horas



«Contaremos nesse dia com convidadas/os das áreas da cultura e da comunicação, para discutir, entre outras questões, o impacto das representações culturais na consolidação ou na eliminação de estereótipos de género.

Intervenções:


SUZANA RALHA
Programadora da área de Comunidade na Guimarães 2012 - Capital Europeia da Cultura. Fundadora da associação cultural de educação pela arte Bando dos Gambozinos.

CARLOS POÇAS FALCÃO
Escritor e poeta vimaranense.

ISABEL FERREIRA ALVES
Membro da associação cultural Ó da casa, responsável pela iniciativa "Guimarães noc noc".


RODRIGO VIANA DE FREITAS
Director da Central de Informação, empresa responsável pela comunicação da Guimarães 2012 - Capital Europeia da Cultura.

Moderação: SOFIA BRANCO, jornalista


Esta é a primeira de uma série de seis tertúlias, a decorrer na região Norte, com as quais se pretende contribuir para o debate sobre o papel das mulheres e dos homens na sociedade e para a desconstrução dos estereótipos de género, nomeadamente os que são veiculados através das mensagens jornalísticas e publicitárias. Esta iniciativa está integrada no projecto "e-storias d'igualdade", uma iniciativa da ACEP - Associação para a Cooperação Entre os Povos, financiada no âmbito do Programa Operacional Potencial Humano (POPH), Eixo Prioritário 7 - Igualdade de Género, Tipologia 7.3»


+ INFO
 www.facebook.com/estoriasdigualdade
ou acep@acep.pt

Estatísticas no Feminino: Ser Mulher em Portugal


Estatísticas no Feminino: Ser Mulher em Portugal

« As mulheres são mais e têm maior longevidade.Casam e são mães (de menos filhos) cada vez mais
tarde. Continuam a ser elas a assegurar a maioria das licenças de acompanhamento parental. O risco de pobreza é superior para elas, bem como a taxa de privação material. As mulheres presas são cada
vez menos e as mulheres vítimas (de crimes contra as pessoas) são cada vez mais. As doenças do
aparelho circulatório são a sua principal causa de morte. Estão em maioria no ensino secundário e
superior. Têm vindo a aderir às novas tecnologias. Integram o mercado de trabalho, mas têm taxas de desemprego mais elevadas. Continuam a ser as principais agentes na prestação de cuidados.
As mulheres são a maioria da população residente, vivem mais tempo, casam e têm (menos) filhos cada vez maistarde. Numa década, o número de mulheres em idades mais jovens diminuiu, e aumentou o número de mulheres que vivem sós. Estes são os principais factos do retrato demográfico feminino nos últimos dez anos (...)».

Fonte: Instituto Nacional de Estatística

Palestras sobre Violência Doméstica


«Palestras sobre Violência Doméstica que decorrerão nos dias 12 e 13 de Março no auditório do Instituto Superior de Serviço Social do Porto. Estas palestras terão como principal objectivo fornecer ao auditório as perspectivas jurídica e psicossocial deste fenómeno através do contributo da Associação Portuguesa de Mulheres Juristas (APMJ) e de Assistentes Sociais com experiência neste campo de intervenção.

Programa Palestras Violência Doméstica*

  • Dia 12 de Março (Segunda-feira)
9h15 – 9h30 Sessão de Abertura
9h30 – 11h Dra. Rita Braga da Cruz
(Advogada, Coordenadora do Projecto Lexis da Associação Portuguesa de Mulheres Juristas)
11h – 11h15 Intervalo
11h15 – 13h Dra. Rita Braga da Cruz (Advogada, Coordenadora do Projecto Lexis da Associação Portuguesa de Mulheres Juristas)
  • Dia 13 de Março (Terça-feira)
9h30 – 11h Dra. Leonor Valente Monteiro (Advogada, Colaboradora do Projecto Lexis da Associação Portuguesa de Mulheres Juristas)
11h – 11h15 Intervalo
11h15 – 13h Dra. Leonor Valente Monteiro
(Advogada, Colaboradora do Projecto Lexis da Associação Portuguesa de Mulheres Juristas)
13h – 14h30 Pausa para almoço
14h30 – 16h30 Mesa: “Reflexão psicossocial sobre o fenómeno da Violência Doméstica”
Dr. Manuel Albano (Assistente Social, Vice Presidente da Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género)
Dra. Lourdes Guimarães (Assistente Social, Segurança Social)
Dra. Patrícia Faro (Assistente Social, Cruz Vermelha Portuguesa)
Moderadora/Comentadora: Sara Melo (docente no ISSSP)
16h30 – 17h Debate
Entrada Livre, sem inscrição (pelo que a entrada será sujeita ao limite de cadeiras existentes no auditório)
Entrega de certificados»

+INFO
www.facebook.com/events/231715953590604/

"SER EMPREENDEDOR – atitude e competência"


«A REDE RSO PT – Rede Nacional de Responsabilidade Social das Organizações convida todos os interessados a participar GRATUITAMENTE nos Seminários SER EMPREENDEDOR – atitude e competência, que terão lugar a partir do dia 8 de Março de 2012, nas instalações do CECOA, sito na Rua da Sociedade Farmacêutica, 3 (ao Marquês de Pombal), em Lisboa.

O objetivo destes SEMINÁRIOS é ajudar jovens/adultos a encontrarem alternativas de futuro profissional, dando-lhes a oportunidade de ouvir e interagir, num ambiente informal e com um discurso de proximidade, empresas/instituições, que na primeira pessoa contam os primeiros passos associados à criação de um negócio, as suas experiências, ou a forma atenta e confiante com que se deve procurar emprego em pequenas, médias e até grandes empresas.
São Seminários muito práticos, dados por profissionais de diferentes organizações, que serão monitorizados pela State of the Art, cabendo à Fundação da Juventude fazer o consequente acompanhamento dos participantes nos seminários e designadamente, com eles fazer encaminhamentos para programas e projetos visando a sua empregabilidade.
O Seminário 1 terá a duração de 18 horas e funcionará às terças e quintas-feiras, das 14h às 17 horas, de 8 a 27 de Março.
O Seminário 2 terá a duração de 15 horas e funcionará às terças e/ou quintas-feiras, das 10h às 13 horas, de 8 a 29 de Março.
Se tem entre 18 e 35 anos e está desempregado – Selecione SEMINÁRIO 1
Se é Profissional de qualquer setor de atividade e interessa-se pelo tema – Selecione SEMINÁRIO 2
Para se inscrever, contate a Fundação da Juventude, delegação de Lisboa e Vale do Tejo, ao cuidado de Paula Graça:
Morada: Avª Júlio Dinis, 23, 1º Esq
Telefone: 92 414 47 93
E-Mail: Lisboa@fjuventude.pt

+ INFO
http://www.fjuventude.pt/

“POVERTY, SOCIAL EXCLUSION AND HOMELESSNESS”


CICLO DE CONFERÊNCIAS 2012 - EXTRAORDINÁRIAS

“POVERTY, SOCIAL EXCLUSION AND HOMELESSNESS”

09 DE MARÇO//18H00


+ INFO
Centro de Investigação e Intervenção
Center for Research and Intervention
ISPA - Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tel: (+351)21 8811708
Fax: (+351)21 8860954
e-mail: cii@ispa.pt
www.ispa.pt
Rua Jardim do Tabaco, nº 34 - 1149-041 Lisboa

"Liberdade e Submissão"


«Liberdade e Submissão é um espaço de debate e reflexão, para todas as pessoas preocupadas com os efeitos sociais da situação de crise de Portuguesa, Europeia e Mundial

Espaço de reflexão através de conferencias, mas também espaço de reflexão através de workshops de psicodrama publico e outras abordagens dinâmicas.
Espaço de reflexão também através da colaboração de artistas, teatro, musica, poesia.
Espaço de reflexão e encontro de profissionais de varias áreas e variadas experiências profissionais e cívicas.

…“ Porque os outros calam e tu não”…

“Partilhar Lideranças: uma questão de igualdade e cidadania”

«Este ano, comemoramos o Dia Internacional da Mulher com a realização da tertúlia “Partilhar Lideranças: uma questão de igualdade e cidadania”, a convite do Centro Local de Aprendizagem (CLA) da Universidade Aberta (UAb) de S. João da Madeira.


Com esta tertúlia, que decorrerá na Biblioteca Municipal de S. João da Madeira, no dia 8 de março, das 18h às 19h30, pretendemos assinalar o Dia Internacional das Mulheres introduzindo a nível local o debate sobre questões de cidadania e de igualdade de género, junto da comunidade em geral e da comunidade são joanina e de estudantes da UAb em particular.
Esta iniciativa será a primeira tertúlia dinamizada em conjunto com a Associação Espaços: Projetos Alternativos de Mulheres e Homens, que foi revitalizada no âmbito do nosso projecto.
A entrada é gratuita e dará acesso a certificado de participação.
A inscrição é obrigatória através do envio da ficha de inscrição por email ou correio postal para: cla_sjm@uab.pt ou Centro Local de Aprendizagem da Universidade Aberta em S. João da Madeira, SANJOTEC – Centro Empresarial e Tecnológico de S. João da Madeira, Rua de Fundões, 151, 3700- 121 S. João da Madeira.
Aceda à ficha de inscrição em
http://www.uab.pt/web/guest/noticias/-/journal_content/56/10136/7956527

+ INFOcla_sjm@uab.pt
91 567 63 42
256 00 19 08

19 mulheres por dia foram vítimas de violência doméstica


«De acordo com as Estatísticas/Relatório Anual 2011, elaboradas pela Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV), 19 mulheres por dia foram vítimas de violência doméstica em Portugal, no ano passado. No total foram registados 15.724 crimes de violência doméstica contra as mulheres.


Num momento em que se celebra o Dia Internacional da Mulher, a APAV assinala que a mulher continua a ser a principal vítima de todos os tipos de crime, com 80% dos crimes praticados contra o sexo feminino. O autor do crime é predominantemente do sexo masculino (78%).

Traçando o perfil da vítima de crime, com base nos dados recolhidos pela APAV, verifica-se que: a vítima é mulher; tem entre os 35 e os 40 anos ou mais de 65 anos; é portuguesa; é casada; tem a sua família nuclear com filhos; trabalha por conta de outrem e reside nas grandes cidades.

Na área da violência doméstica verificaram-se mais 505 factos criminosos ao nível dos maus tratos físicos, relativamente a 2010; mais 427 factos nos maus tratos psíquicos; mais 55 factos criminosos no homicídio tentado e mais 5 mortes por homicídio consumado do que em 2010.

A APAV tem tido um papel determinante ao nível do apoio directo à vítima de crime, mas também na prevenção do crime, anterior à vitimação. Essa resposta tem-se traduzido na qualificação dos profissionais que prestam apoio às vítimas de crime, e na sensibilização do público em geral para essas temáticas.

Ao longo de 2011 a APAV realizou 421 acções de sensibilização sobre os temas da violência no namoro, violência doméstica e violência nas escolas, que envolveram 19.624 participantes».

Fonte: aqui

"Alterações na Demência: Estratégias de Intervenção"

Ação de Formação
Alterações na Demência: Estratégias de Intervenção
Dias 14 e 15, 20 e 21 de março, na Guarda


 «O processo de envelhecimento traz consigo um conjunto de consequências na área das demências e défices cognitivos. É fundamental que, quer os técnicos e colaboradores das instituições com respostas sociais para idosos, quer os familiares e outros cuidadores informais da pessoa idosa, estejam atentos a estas modificações e se prepararem para intervirem nesta área. Com a presente formação pretende-se dotar todos os cuidadores de conhecimentos e competências para lidar com a demência, que lhes permitam proporcionar uma velhice tranquila e satisfatória às pessoas idosas com quem lidam diariamente.»

+ INFO
 
EAPN Portugal / Núcleo Distrital da Guarda

Largo Paço do Biu, N.º 19
6300-592 Guarda
Telefone 271 227 506
fax 271 227 507
E-mail: guarda@eapn.pt

"Olhar o disfarce"

«Amanhã, Dia Internacional da Mulher, o Espaço APAV & Cultura acolhe um concerto com a cantora e compositora Teresa Gentil.

O espectáculo tem início pelas 19h00, nas instalações de sede da APAV, na Rua José Estêvão 135-A (ao Jardim Constantino), em Lisboa. Este... concerto tem entrada livre.
Teresa Gentil acompanha a sua voz por uma instrumentação variada - piano, guitarra, guitarra portuguesa - tendo editado em 2008 o álbum de originais “Gentilesa”.
No Dia Internacional da Mulher Teresa Gentil apresentará o espectáculo “Olhar o disfarce: Canções de mulheres e outras histórias fêmeas”, intercalando composições originais com temas de músicos consagrados como Chico Buarque, Caetano Veloso, Paul McCartney, Sérgio Godinho ou Zeca Pagodinho».

+ INFO
http://www.apav.pt/

Benefícios do rastreio de risco social em pessoas idosas



III Ciclo de Conferências em Serviço Social

1ª conferência - 23 de março, Auditório de Geociências da UTAD, das 14:30 às 17 horas

Tema: Benefícios do rastreio de risco social em pessoas idosas
+ INFO

aqui

sexta-feira, 2 de março de 2012

"CUIDA-TE"

«O CUIDA-TE é um Programa do Instituto Português da Juventude, I.P. com diversas Entidades parceiras, do sector público e privado.

Tem como principal objectivo trabalhar na área da saúde juvenil e na promoção de estilos de vida saudáveis e tem como destinatários Jovens entre os 12 e os 25 anos, professores, pais, dirigentes associativos, profissionais de saúde e outros que desenvolvem actividades nesta área dirigidas aos jovens.
O CUIDA-TE prevê 5 medidas distintas de actuação: Medida 1 – Unidades Móveis /Medida 2 – Formação /Medida 3 – Teatro debate/Medida 4 – Gabinetes de Saúde Juvenil - Consultas gratuitas/ Medida 5 – Apoio a projectos
Medida 3 – Teatro debate
Esta medida promove acções de Teatro debate sobre tema de interesse dos Jovens relacionadas com a promoção da sua saúde, que estimulam a reflexão e o debate sobre problemas que querem discutir.
 Debate disponíveis:
• " Nem muito simples, nem demasiado complicado"
Temática: Sexualidade Juvenil
Duração: 2 horas
• "IN Dependências"
Temática: Dependências
Duração: 2 horas
• "Macacos e Pombos"
Temática: Bullying
Duração: 2 horas
• " O corpo é que paga"
Temática: Nutrição e exercício físico
Duração: 2 horas


+ INFO
 http://www.juventude.gov.pt/

Prémio Cooperação e Solidariedade – António Sérgio


«Está aberto, até 31 de março, o período de candidaturas para o Prémio Cooperação e Solidariedade – António Sérgio.


Recorde-se que o Prémio, criado pela CASES e atribuído pela primeira vez em 2012, pretende promover o conhecimento e o reconhecimento público do setor da economia social e das suas organizações, em particular, entre a juventude.

O Prémio destina-se a homenagear as pessoas singulares e coletivas que, em cada ano, mais se tenham distinguido no setor da Economia Social e é atribuído nas categorias Boas Práticas, Estudos e Investigação e Trabalhos Escolares.

Para as categorias Boas Práticas e Estudos e Investigação, os trabalhos devem ter sido elaborados e/ou concluídos no ano de 2011, e para a categoria Trabalhos Escolares, no ano letivo 2011/2012.

As candidaturas podem ser entregues via e-mail (premio@cases.pt) ou na sede da CASES – Rua Viriato nº7, 1050-233 Lisboa, em mão ou através de carta registada.»

+ INFO

http://www.cases.pt/

Revista de Economia Solidária

A ACEESA informa que o nº 3 da Revista de Economia Solidária já se encontra disponível para venda aqui

+ INFO

ACEESA
Associação Centro de Estudos de Economia Solidária do Atlântico

Rua D. Maria José Borges,137 R/C Fajã de Baixo
9500-466 Ponta Delgada
Telf. 296281554 Fax 296281542








Colóquio: Horizontes da Economia Social










9 e 10 de março, Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra

+ INFO

http://www.cases.pt/

Formação: Auditoria a Sistemas de Gestão da Qualidade


DIAS 15, 12, 29 de Março e 3, 5, 12, 19, e 26 de Abril
Auditoria a Sistemas de Gestão da Qualidade


Conceitos, princípios e definições. A gestão da qualidade e os seus “princípios”. Requisitos NP EN ISSO 9001:208 e dos Modelos de Avaliação das Respostas Sociais. A gestão das auditorias e a NP EN ISSO 19011. Tipos de auditorias. A Auditoria e a sua finalidade.

Gerir um Programa de Auditorias

Definir um programa de auditorias. Definir os objetivos, âmbito e critérios das Auditorias do programa. Selecionar Auditores. Constituir a Equipa Auditora.:as responsabilidades e a qualificação dos Auditores. Definir e implementar ações.

Preparar Auditoria

Reunir e analisar os documentos de referência. Definir e divulgar o Plano da Auditoria – quem e quando entrevistar. Preparar os documentos de trabalhos (listas de comprovação, check-lists, guiões de entrevistas.

Realizar Auditoria

Comunicação, atitudes e comportamentos no processo de auditoria. Conduzir a reunião de abertura. Estabelecer uma relação eficaz com os auditados, facilitadora de um clima de recolha e análise de evidências. Verificar a aplicação dos requisitos e os respetivos resultados (análise de documentos, observação, entrevista). Reunião de encerramento – apresentação do resultado da auditoria aos auditados.

Elaborar relatório de Auditoria

Organizar a informação recolhida. Elaborar o relatório de auditoria.

+ INFO
EAPN Portugal / Núcleo Distrital de Évora
Urbanização Vila Lusitano
Rua Frei José Maria Évora, n.º 25 - 7005-495 Évora
telefone 266731141 e fax 266747955
E-mail: evora@eapn.pt

quinta-feira, 1 de março de 2012

“Bullying” pela ACTA


«Na próxima semana, a ACTA vai estar em digressão com “Bullying” pelas escolas do concelho de Portimão. Com encenação de Paulo Moreira, trata-se de um espectáculo sobre a problemática da violência que tem vindo a obter dimensão e relevância no meio escolar. Desenvolvido numa feição interactiva, permitirá ao aluno assumir a função de professor ou de pai ou de auxiliar de acção educativa ou de membro da Comissão Executiva… Temáticas como a da agressão física, agressão verbal ou indisciplina serão abordadas e desenvolvidas numa feição que visa promover a reflexão entre o próprio sujeito/objecto do fenómeno em causa.
“Bullying” conta com a interpretação de Bruno Martins, Elisabete Martins, Mário Spencer e Tânia Silva.»

+ INFO

ACTA – A Companhia de Teatro do Algarve
Rua Antero de Quental, 119
8000-210 Faro
Tel.: 289878908/289882703
Fax: 289882704
E-mail: divulgacao@actateatro.org.pt
http://www.actateatro.org.pt/

Exposição “Voluntariado 2011”


«No âmbito do Ano Internacional dos Voluntários comemorado em 2011, está patente no Agrupamento de Escolas de Tondela, de 1 a 15 de Março, uma exposição documental denominada “VOLUNTARIADO 2011, uma produção da Direcção Regional do Centro do Instituto Português da Juventude.


O ano passado assinalou-se em simultâneo o Ano Internacional dos Voluntários e o 10º aniversário do Ano Europeu do Voluntariado.
A Direcção Regional do Centro do Instituto Português da Juventude, IP associou-se como forma de assinalar e comemorar esta efeméride com a mostra VOLUNTARIADO2011.
VOLUNTARIADO2011 é uma oportunidade para demonstrar, que as actividades de voluntariado reforçam a participação cívica e podem ajudar a desenvolver um sentimento de pertença e um empenhamento por parte dos Jovens em relação à sociedade em que estão inseridos seja a nível Local, Regional ou mesmo Nacional.
Pretende-se dar visibilidade ao trabalho realizado pelas Associações Juvenis enquanto agentes de Educação Não Formal, IPSS’s, ONG’s e Instituições, em diversas áreas. Estas propiciam oportunidades de voluntariado aos Jovens, devendo ser encaradas como partes activas e interessadas na área do Voluntariado.
Uma parte considerável do trabalho que desenvolvem é com base no Voluntariado. São lideradas por voluntários e representam centenas de Jovens que diariamente se dedicam às mais diversas causas voluntariamente.
O voluntariado é uma das dimensões fulcrais da cidadania activa e da democracia. É a manifestação de uma decisão livre e voluntária apoiada em motivações e opções pessoais. É uma forma de ser solidário colocando os nossos talentos e algum do nosso tempo em actividades ao serviço dos outros, em acções sem fins lucrativos, contribuindo assim para a melhoria da qualidade de vida e do bem-estar da nossa comunidade.
As actividades de voluntariado constituem uma experiência enriquecedora, permitem o desenvolvimento de capacidades e competências sociais dos voluntários de todas as idades.
Em todo o seu historial o Instituto Português da Juventude em parceria com diferentes ministérios, autarquias, associações dinamizou e incentivou milhares de Jovens em prol do trabalho voluntário.
Destacando-se nos últimos 10 anos programas que promoveram a participação cívica e enalteceram o Voluntariado Jovem, nomeadamente; Jovens Voluntários para a Solidariedade – JVS, Euro2004, Ocupação dos Tempos Livres – OTL, Campos de Trabalho, Serviço Voluntário Europeu - SVE, apoio nos jogos da Liga de Futebol, Jovens Voluntários para as Florestas que celebrou em 2011 6 anos de existência, sendo que neste período foram envolvidos mais de 40 000 Jovens. Também eles contribuíram para somar aos 93 milhões de voluntários europeus.
O sucesso resulta do envolvimento das entidades locais e da adesão dos Jovens Voluntários.
VOLUNTARIADO2011 é também um desafio para todos aqueles que até aos dias de hoje não participaram em qualquer actividade de voluntariado, experimentem ser voluntários e venham Marcar a Diferença».
“O Futuro dependerá daquilo que fazemos no Presente” Gandhi


+ INFO
 IPJ de Viseu
tel. – 232 483 410 /




"Alternativas em debate" na livraria Ferin

FEC promove ciclo de conversas

"Alternativas em debate"

Livraria Ferin - Chiado

«O grupo “Alternativas - Cristianismo e Mudança”, uma iniciativa da FEC - Fundação Fé e Cooperação (ONGD), que reúne diferentes personalidades e organizações de identidade cristã, promove três conversas abertas, ao fim da tarde, durante o mês de Março.
Uma proposta para o tempo de Quaresma que quer pensar o desenvolvimento humano tendo a cidadania global como chave de leitura. Descobrir novos caminhos para a economia comum e para o bem-estar de cada pessoa e das comunidades. Parar e olhar para os sinais dos tempos e as inquietações da actualidade. Redescobrir o potencial de cada pessoa e o seu papel na sociedade.
Convidámos várias pessoas de diferentes áreas, que nos darão um olhar cruzado sobre a realidade e perspectivas reflectidas de acção:
  • 6 de Março, 3ª feira, 18h

Sinais dos Tempos: a questão económica e as perspectivas éticas
Sofia Santos (ISCTE Business School) e Francisco Sarsfield Cabral (Economista e Director de informação da Rádio Renascença), Moderação de Luís Mah (Investigador do CESA- ISEG)
Como ponderar esta questão na realidade da banca portuguesa? Os bancos devem incluir uma análise de riscos ambientais e sociais com o objectivo de potenciar uma sociedade mais equilibrada e justa a médio-longo prazo? Os bancos devem ser vistos como agentes pró-activos do desenvolvimento sustentável através da inclusão de “valores morais e de cidadania” na sua gestão?

  • 20 de Março, 3ª feira, 18h
Cristianismo e Mudança: inquietações comuns, diversidade de respostas
António Marujo (Jornalista) e Graham Mcgeoch (Pastor da Igreja da Escócia), Moderação de Laurinda Alves (Jornalista)
Esta conversa põe em diálogo dois crentes de diferentes confissões cristãs (Católico e Presbiteriano), que procuram responder com a sua vida aos desafios das realidades e tempos que vão atravessando. Quais as principais inquietações que sentem e que caminhos de resposta vão encontrando? Que papel tem Deus na política, na economia, na sociedade? Quais os principais desafios aos crentes e às Igrejas, em diálogo com a sociedade?
  • 30 de Março, 6ª feira, 18h
Das nossas acções ao Desenvolvimento Global: entre as políticas e a participação
Jan Vandemoortele (Ex-Director do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), co-arquitecto dos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio).
Que grandes desafios a integrar na agenda global do desenvolvimento? Qual o papel das Igrejas? Qual o papel da sociedade civil? Que reformas das Instituições Internacionais? Qual o papel dos países ditos em desenvolvimento e ditos desenvolvidos (como Portugal?).
Entrada gratuita
Livraria Ferin
http://www.ferin.pt/


+ INFO
Margarida Alvim
Departamento de Educação para o Desenvolvimento e Advocacia Social
Fundação Evangelização e Culturas
Quinta do Cabeço, Porta D 1885-076 Moscavide
Tel. 21 886 17 10 / Fax. 21 886 17 08
http://www.fecongd.org/